Mensagens

A mostrar mensagens de Maio, 2012

REVISTA «INVESTIGAÇÃO CRIMINAL» - Lançamento do Nº3

Imagem

Thomas Jefferson e os bancos privados

«Acredito que as instituições bancárias são mais perigosas para as nossas liberdades do que o levantamento de exércitos. Se o povo Americano alguma vez permitir que bancos privados controlem a emissão da sua moeda, primeiro pela inflação, e depois pela deflação, os bancos e as empresas que crescerão à roda dos bancos despojarão o povo de toda a propriedade até os seus filhos acordarem sem abrigo no continente que os seus pais conquistaram.»                                                                                                  Thomas Jefferson, em 1806


Valerá a pena continuar a ser um cidadão cumpridor?

Imagem
Não posso perder tempo. Nunca. Hoje excecionalmente. Uma tarefa árdua, ingrata, que me põe os nervos em estilhaços, mas obrigatória, inadiável e de cidadania, espera-me: preencher os impressos do IRS/2011. Vamos ver se sobrevivo. E quem me obriga, quem impõe os prazos, e quem não cumpre?... Todos os anos é este calvário, essencialmente porque subsistem dúvidas quanto à pergunta fundamental: valerá a pena continuar a ser um cidadão cumpridor?
ALGUMAS HORAS DEPOIS...
Finalmente! Comecei com 18 erros às 5 e às 10 cheguei a 0 erros. Um feito. Estas são as boas notícias. Feitas as contas e as inevitáveis comparações, chegam as más. Recebi menos 3000 euros que em 2010 e descontei apenas menos 500, e tudo graças às brincadeiras destes senhores que nos desgovernam - já que o trabalho duro sempre me tocou. Para o ano, sem os subsídios, como será?... Depois pasmam, esses mesmos senhores e os seus patrões da Troika, com as nunca vistas taxas de desemprego.

O Eurofestival que eu gosto - Buranovskiye Babushki

Imagem
Há muitos anos que não via o Euro-Festival da Canção. O inglês e a batida de discoteca fizeram-me mudar de canal muitas vezes. Este ano, contudo, depois da paupérrima exibição da seleção contra a poderosíssima Macedónia, resolvi abrir uma garrafa de verde branco que, com umas amêijoas à Bulhão Pato, me ajudou a esquecer São Bento e seus muchachos. Começou o festival ainda a garrafa não chegara a meio e eis senão quando, logo no princípio - são muitas canções -, apareceram umas senhoras a representar a Rússia que me encantaram. Nesta altura ainda vai na 24ª canção, mas para mim já ganharam. Comoveram-me, é o que posso dizer. Este devia ser o espírito de um evento como o Euro-Festival da canção, cada país apresentar-se com o que tem de seu. Acho eu. O festival está a terminar e o verde também. Mas se não viram as senhoras russas, não percam, são magníficas.

Alemanha 1936 - 2012

Berlim, 1936: Hitler saiu do estádio porque os alemães perderam.
Munique, 2012: os alemães perderam e o estádio continuou cheio.
Afinal alguma coisa mudou, caraças...
FELIZMENTE!!!!!!

Ficamos muito mais felizes.

O PÚBLICO e as pressões de Miguel Relvas - Política - PUBLICO.PT

Não há outra forma de dizer isto, apesar de correr o risco de roçar a ingenuidade - seja qual for o regime, seja qual for o governo, seja qual for o político, é gravíssimo o que se passou e devia ter consequências políticas imediatas. Seria bom que as houvesse, eram sinal de que o corpo doente se conseguia regenerar.  

O PÚBLICO e as pressões de Miguel Relvas - Política - PUBLICO.PT

Fim de festa - 82ª Feira do Livro de Lisboa

Imagem
Sábado na Feira do Livro - que encerrou portas no dia seguinte -, com um simpático leitor, o Sr. Farinha, que viajou propositadamente de Vendas Novas para que lhe autografasse todos os meus livros, que já lera - O Bairro estava a meio. Descentralização cultural precisa-se, com urgência. Fez-me chegar esta fotografia, que foi captada pela filha.

Bento/Lourenço ou a pujante cultura dos três efes

Talvez um dia Portugal mereça ter um canal de televisão que não troque um discurso do Eduardo Lourenço, qualquer que ele seja, pela lista de jogadores da selecção para um qualquer Euro. 
Sempre a esperança a safar isto...

Bernardo Sassetti - Morreu um grande de Portugal

Imagem
Não há justiça, mesmo, Ana.

Agosto, de Rubem Fonseca

Imagem
Terminei a leitura de Agosto, de Rubem Fonseca. A trama aborda os últimos dias da vida do presidente Getúlio Vargas, em Agosto de 1954, no Rio Janeiro, então capital do Brasil. Numa escrita quase cruel, bem ao estilo do autor, frase curta, incisiva, é um prazer para os sentidos pelas sensações que consegue gerar. Nota-se bem, nos vários episódios que se vão cruzando, a experiência profissional do autor enquanto comissário de polícia, precisamente na cidade do Rio de Janeiro e naquele período. De salientar também a estrutura com que foi construída a obra, digna de mestre, porque envolve o leitor de forma irresistível, ao ponto de ser difícil pousar o livro, sob qualquer pretexto, antes de o terminar.

2ª vez na 82ª Feira do Livro de Lisboa

Imagem
Se a chuva o permitir, sábado, dia 12, regresso à Feira do Livro. Lá estarei pelas 5 na Leya, como habitualmente.


deep purple & led zeppelin & eric clapton & london shymphony orchestra ...

Imagem

Relatório e contas da apresentação de O Bairro em Beja

Imagem
Mais uma apresentação dos meus livros, com particular destaque para o mais recente, O Bairro. Aconteceu em Beja, n`Os Infantes e foi organizada pelo Lêndeas D`Encantar, o grupo de teatro local que, mesmo em tempos de fortes apertos financeiros, continua a proporcionar aos bejenses contacto com a cultura nas mais diversificadas vertentes. Ontem,  para além dos livros, não faltou a gastronomia, no caso, um cozido de grão à moda da terra, acompanhado pelos bons vinhos da zona, produzidos e fornecidos gratuitamente para o evento pela herdade Monte da Ribeira. Só podia correr bem, claro. Bom, com excepção das fotografias por manifesta falta de luz. Só se aproveitou esta e mesmo assim...

Loreena Mckennitt - The Mystic s Dream - Legendado PT - BR

Imagem

LdE- Apresentação do livro “O Bairro” de Carlos Ademar- 05 de Maio 21h30, n’Os Infantes

O Bairro em Beja - nos Infantes

No próximo sábado, dia 5, pelas 21h30, estarei em Beja, no espaço cultural Os Infantes, para 
uma conversa sobre os livros e o prazer da leitura.

82ª Feira do Livro de Lisboa

Imagem
Foi no domingo passado, dia 29 de Abril. Há uns tempos que não estava com o Francisco Moita Flores. Entre autógrafos, fomos pondo a conversa em dia. Continuamos dia 12 de Maio.

Mesmo em tempos de crise, a Feira é uma festa.

Escrita Criativa no El Corte Inglés

A convite de José Couto Nogueira, escritor, jornalista e coordenador dos cursos de escrita criativa organizados pelo El Corte Inglés, vou estar presente numa das sessões, logo à tarde, entre as 19 e as 20 horas. A sala está geralmente cheia de gente interssante e interessada, o que faz com a aquela seja uma das mais pequenas horas que eu conheço.