Mensagens

A mostrar mensagens de Março, 2013

A ciência contra o crime

Imagem
Uma publicação patrocinada pelo Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, que já se encontra na gráfica. De minha autoria, incluiu uma reflexão sobre a tendência de redução da taxa de sucesso na investigação dos crimes de homicídio em Portugal no último quarto de século, as causas e a forma de a atenuar.   

Anna Karenina

Imagem
Como é que a obra prima do mestre resulta na prima do mestre de obras? vejam o filme. Se não virem, não perdem nada.

Dia Mundial da Felicidade

Imagem
Jesuíno, Ino para os amigos, é um jovem negro, não mais de 20 anos, que tira bicas no café onde vou frequentemente. Sempre que o faço vejo-o alegre, cantando, assobiando, gingando o corpo enquanto faz sair versos em jeito de hip-hop, entre a vozearia e o tilintar da loiça, nas deslocações entre a zona de serviço e o balcão, e mesmo quando se dirige a um novo cliente. Esta é a sua forma de estar, o ritmo no seu dia-a-dia; claramente, a exteriorização de um ser feliz. Ontem, enquanto mexia o meu café, alguém ao fundo do balcão se meteu com ele em termos que não entendi, apenas ouvi a resposta do empregado: «Esta gente está muito doente, agora até precisa de criar um Dia Mundial da Felicidade.» Guardei o troco e saí.

Contos Capitais - 30 autores, 30 capitais, 30 contos

Imagem
CONTOS CAPITAIS


A publicação de «Contos Capitais», que estará nos postos de venda dia 4 de Abril, marca o início da actividade das Edições Parsifal. 30 escritores aceitaram o desafio de escrever sobre uma cidade, capital de um país, e vários fotógrafos e ilustradores o de interpretá-la com o seu olhar.
 — com Raquel OchoaRui Telmo Romão, Carlos AdemarEugénia RicoJosé Manuel Saraiva, Filipa Vera JardimManuel San PayoMário De Carvalho Escritor-páginaFrancisco Da Costa OliveiraBaptista-BastosUrbano Tavares RodriguesJosé Mário SilvaJosé Jorge LetriaPaulino AversaJR DireitinhoMateus BrandãoJosé Carlos BarrosValério RomãoMaria Do Rosário PedreiraJoão FaíscaFernando MadaílDavid Toscana,Tiago Salazar, Joana BértholoPedro Almeida VieiraJoão Lopes MarquesPedro Medina RibeiroMariana Ianelli e Cristina Carvalho.

Fundação Mário Soares - Atentados à bomba no Marcelismo

Imagem
Amanhã, dia 21, pelas 18H00, na Fundação Mário Soares, debate sobre o combate político no final do Estado Novo através de actos violentos - os atentados à bomba no tempo do Marcelismo, com Carlos Antunes, das Brigadas Revolucionárias, e Raimundo Narciso da ARA.

16 de Março - o ensaio geral para o 25 de Abril

Imagem
Passei hoje por aqui e lembrei-me. Aqui funcionava o antigo Regimento de Infantaria 5, nas Caldas da Rainha. Na madrugada de 16 de Março de 1974, completaram-se hoje 39 anos, daqui saiu uma coluna, chefiada pelo capitão Varela, contando que muitas outras o fizessem, e juntas conseguissem pôr fim ao Estado Novo. Já se aproximavam da capital quando se aperceberam que estavam sozinhos e voltaram para trás, acabando por, nessa tarde, se render às forças afectas ao regime, que entretanto cercaram o quartel. Feitas as contas, desta acção resultou a prisão de cerca de 200 militares de várias patentes, sendo que, entre os oficias, praticamente toda a linha conotada com o general Spínola ficou neutralizada.  Alguns destacados elementos do MFA, disseram que foram os spinolistas a querer tomar a dianteira do processo conspirativo que estava em marcha adiantada; o general Spínola disse que o 16 de Março não passou de uma reacção «dos seus rapazes» a uma provocação dos comunistas, para que, ao sere…

Sr. Coelho está a ir longe demais

Imagem
A letra, tudo o indica, é de criança, não sei se o texto o é. Ainda assim, acho que nesta linguagem simples  se faz um resumo das malfeitorias que o seu Governo tem feito e do sentir do povo face à sua política.  Eu não vou tão longe e não peço que se demita, peço-lhe apenas que ouça e veja. Há muito devia ter mudado a agulha da sua política, dado os erros sistemáticos que comete (não acerta uma!...) e o grave estado em que está a deixar a economia deste país (20% de desempregados – não há maior desgraça). Uma catástrofe social nos espera se essa política não for mudada. Sr. Coelho, tem ouvidos ouça, tem olhos veja, demita (isso sim!) o Sr. Gaspar e acabe com esse estado de alma que o tem guiado até aqui, de cegueira e de surdez total face ao que se passa. Veja o povo, ouça o povo e aja em seu favor. Vá lá, só uma vez... experimente, até pode ser que goste.


11 de Março de 1975

Completam-se hoje 38 anos sobre o 11 de Março de 1975. Este é o dia cotovelo da revolução. Até então era democrática, depois deste dia passou a socialista e assim continuou até à queda do V Governo Provisório, ou melhor, até ao 25 de Novembro. A questão que ainda hoje se coloca é quem esteve por trás da tentativa de golpe? Sabe-se quem atuou, sabe-se quem mandou atuar, no entanto mantém-se a dúvida sobre o que fez mover Spínola, os spinolistas e a direita que se lhes juntou. De uma coisa todos podemos estar certos, o golpe beneficiou a extrema-esquerda. Os chamados moderados perderam, para não falar da direita, cujos líderes oficiosos tiveram que partir para o exílio e por lá ficaram a organizar o MDLP  e o ELP, e se demoraram alguns anos. Os serviços secretos franceses, o KGB, a CIA, a Espanha franquista, são as referências estrangeiras. Uma lista da «Matança da Páscoa» que alguns, poucos, todos de direita disseram ter visto, será a ameaça mais visível e próxima.     A verdade é que Spí…

Amour - mais uma jóia de Haneke

Imagem
Aconselharam-me o Argo e eu vi; aconselharam-me Zero Dark Thirty e eu vi, desaconselharam-me o Amour e eu vi. Os primeiros veem-se, o segundo melhor que o primeiro, este último é uma obra prima. Haneke habitou-nos a grandes filmes e este não foge à regra, vem na saga de outros em termos da qualidade que ele quer e consegue imprimir às suas obras. É dos maiores realizadores da atualidade e eu gosto pouco desta coisa dos maiores disto ou daquilo, mas neste caso estou certo de que é isso mesmo que penso. Este Amour é um hino à velhice, mas também ao amor. Um hino não tem de ser necessariamente coisa dócil. Este não o é, bem pelo contrário, é um filme muito real, cruel mesmo, afinal tão cruel como a própria velhice. Verdadeiramente a não perder. 

Os melhores filmes sobre mulheres - no Dia da Mulher

Imagem
La mujer trabajadora en 10 películas El cine recoge la nueva visión de la mujer en la sociedad, ayudando a eliminar los comportamientos machistas y patriarcales

2 de Março - para recordar - parte II

Imagem
Alguns instantes da manifestação de sábado passado, com um inevitável piscar de olho à cidade de Lisboa.










2 de Março - para não esquecer

Imagem