sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Notícia triste do dia

A notícia do dia não são as novidades do novo orçamento de Estado; não são os 45%  que as sondagens atribuem a António Costa, sem surpresa de resto; a notícia do dia, o drama deste dia, deste tempo, de todos nós, foi a morte de uma menina de 13 anos que não resistiu às queimaduras que sofreu para salvar os 4 irmãos mais novos com quem vivia, aparentemente sem apoio dos pais ou de outro qualquer adulto - ou do Estado. A morte de uma pessoa é um drama, a morte de uma miúda nestas condições é ... Não sei dizer! Dói. 
Parece que é uma família que andava a ser acompanhada pelos serviços sociais, mas também parece que, em determinada altura, os pais, que então apareceram, não quiseram o «acompanhamento» e as técnicas foram-se embora, como bem-mandadas que devem ser. Para que servem os tribunais? 
Parece que agora vão voltar a acompanhar a família, os menores - menos a menina de 13 anos, essa que morreu para salvar os irmãos mais novos, com quem vivia e de quem cuidava, ao ponto de perder a vida por eles. Não há serviço de apoio social ou humano que lhe valha. Porra para isto...