Jorge Palma «Só» no CCB


E sobre o Palma no CCB, nada? «Só» é o título, mas o artista nunca esteve só, bem pelo contrário. A sala estava apinhada e até as paredes vibraram. Nunca o digo de ânimo leve, mas é hoje o dia: um só homem, apoiado em carradas de talento, boa disposição e num piano, proporcionou-me o maior momento musical a que pude assistir nos últimos anos.

Mensagens populares deste blogue

Na Vertigem da Traição IV

Salvador Sobral - Amar Pelos Dois - Esqueçam lá o estigma do Festival da Canção