quinta-feira, 24 de novembro de 2016

No Limite da Dor em Stª Iria da Azoia

Nestes tempos em que nuvens negras teimam em se aproximar, faz ainda mais sentido falar deste livro e dos testemunhos nele incluídos, num esforço persistente para dissipar o perigo. Desta feita é em Stª Iria da Azoia e estarão presentes, além dos autores, duas testemunhas da história, Domingos Abrantes e Conceição Matos, cujas entrevistas, efectuadas por Ana Aranha, constam no livro. Apareçam porque a entrada é livre, como livre desejamos que seja o futuro de todos, além de que juntos temos mais força.