Um novo romance

É sempre diferente o dia em que um escritor entrega ao seu editor um novo livro. Foi hoje. Particularmente quando há 4 anos que não publico um romance e quando a obra que entreguei me levou dois anos da minha vida, vividos muito intensamente. Estou cansado. Se o escritor se sentisse devidamente compensado, mandava o trabalho às malvas e ia por aí, só mesmo para dormir, ver filmes e ler romances, que é coisa que não tenho feito nos últimos tempos. 
Hoje, 18 de Abril de 2017, entreguei o original de um novo romance que me deixou muito feliz de o ter construído. A ele voltarei brevemente.

Entretanto, fiquei tão estasiado que não podia regressar a casa como se de um dia normal se tratasse, porque não era.
Fui ao Monumental ver um documentário sobre as gravações do Apocalypse Now e bebi umas cervejas sozinho, que é coisa que normalmente não aprecio, mas que fiz e desta vez gostei.  

Mensagens populares deste blogue

Na Vertigem da Traição IV