Mais organização e menos horas de trabalho, sff


Ok, os dados são de 2015, bem sei, ou seja, num ano em que os trabalhadores portugueses tinham menos quatro feriados (cinco, se contarmos e devemos contar, com o Carnaval) e os funcionários públicos tinham que trabalhar mais uma hora por dia, mas descontando tudo isso que a oleada Geringonça fez terminar, estamos mesmo assim ao nível da média dos países da OCDE. Reparem agora onde se encontram os países mais desenvolvidos da Europa... Pois é, são aqueles onde menos horas se trabalho se fazem, com a exigente Alemanha num verdadeiramente honroso último lugar.

Meus senhores, o que faz falta é essencialmente organização no trabalho e não mais horas de trabalho. Não vão pelo que os países ricos dizem, vão pelo que eles fazem. Veja-se o caso da Auto Europa, é apenas a fábrica mais rentável da Volkswagen, que tem fábricas em todo o mundo. Falamos da fábrica de Palmela, que é em Portugal, com trabalhadores portugueses e mesmo assim é a mais rentável do grupo, sendo operada com gente preguiçosa, como é isso possível? Pois, a diferença reside na organização. 


Palavra de ordem: organizem-se, pá e parem de lixar o Zé.  

Mensagens populares deste blogue

Na Vertigem da Traição IV