Congresso Manuel da Fonseca II

Ainda sobre o congresso dedicado a Manuel da Fonseca, que decorreu no último fim-de-semana em três frentes (Faculdade de Letras da UL, Museu do Neo-Realismo e Santiago do Cacém), por aquilo que me foi dado assistir - só estive no Sábado em Vila Franca de Xira - «a coisa» foi levada muito a sério, e ainda bem. Os temas foram tratados por especialistas e, naturalmente, com a profundidade que só eles conseguem imprimir e que a memória do homenageado merece. Mesmo sem que os meios de comunicação social lhe dedicassem particular atenção, o que se lamenta, este Congresso fez-nos recordar um enorme escritor e prestou um belo serviço a uma estética que marcou um tempo, mas que ao longo das últimas dezenas de anos tem vindo a ser menosprezada pela elite intelectual dominante. Espero que a organização possa publicar as apresentações que foram efectuadas ao longo dos três dias, visando não só preservar, mas melhor difundir a memória.

Mensagens populares deste blogue

Na Vertigem da Traição IV